Não assuma que o recrutador sabe do que você está falando

Devemos sempre ter um objetivo específico e dirigir-nos a ele. Uma das piores coisas que pode acontecer é a entidade empregadora não compreender a que nos referimos no curriculum vitae. Por isso, não assuma que o recrutador sabe do que você está falando.

Não assuma que o recrutador sabe do que você está falando

Não assuma que o recrutador sabe do que você está falando

A primeira pessoa que lê o nosso currículo pode não ser especialista na nossa área e não dominar a linguagem técnica.

Devemos escrever as nossas habilidades num padrão geral de descrição, ou seja, numa linguagem que qualquer pessoa possa entender.

Geralmente, o currículo é visto por uma pessoa dos recursos humanos, que muitas vezes não domina a linguagem própria de uma profissão.

A melhor forma é enumerar os nossos conhecimentos, de modo a que vão de encontro com a descrição e os requerimentos do posto de trabalho.

Veja também

Modelo Kassel
Modelo Vegas
Modelo Hexa
Modelo Route
CV PREMIUM